CSJ - Cia de Saneamento de Jundiaí

Enquanto você navega,
m³ de esgoto estão sendo tratados.

Panorama da participação privada no saneamento Brasil 2016

31/08/2016

Um estudo lançado pela ABCON (Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto) em São Paulo, destaca Jundiaí pelos índices que apresenta no setor. A edição 2016 do anuário Panorama da Participação Privada no Saneamento, em que estão compilados todos os dados atualizados da atividade das concessionárias privadas de saneamento em todo o país, traz informações de 316 municípios brasileiros sobre investimentos e população atendida, além de comparativos do segmento privado com o público nos últimos anos.

De acordo com a publicação, os bons índices da cidade estão relacionados com 98% de abastecimento e 98% de esgoto coletado e tratado para o atendimento dos 402 mil munícipes. A Abcon leva em consideração os resultados alcançados pela CSJ (Companhia de Saneamento de Jundiaí), que opera há 20 anos na cidade e mantém a Estação de Tratamento de Esgoto de Jundiaí (ETEJ).

A publicação ainda apresenta como tema este ano Cidades Saneadas: Uma realidade ao alcance do Brasil, e destaca como exemplo desse conceito 11 municípios que, ao contarem com a presença da iniciativa privada em seus serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário, atingiram excelentes indicadores de desenvolvimento econômico e social.

Confira esse e estudos anteriores na íntegra nesse link:

http://abconsindcon.com.br/publicacoes/panorama-da-participacao-privada-no-saneamento/